quinta-feira, 31 de março de 2011

Por: autismoemfoco@gmail, e Equipe Unilever

Momento maravilhoso para nossa causa!!! Só alegria!!!
Aqui estamos nós novamente com muita alegria , informando a vcs , que a SUDERJ aderiu a nossa campanha , e ontem dia 29 de Março , nossos meninos autistas entraram em quadra de mãos dadas com as jogadoras de volêi da UNILEVER ( técnico Bernardinho ) , e nossa faixa pela Campanha de Conscientização do dia Mundial do Autismo foi estendida ENORME em quadra durante a exibição do Hino Nacional !!!!!

Gesto solidário

Por: Equipe Unilever Vôlei 31/3/2011

Na vitória sobre o BMG/São Bernardo, na última terça-feira (29/3), no Maracanãzinho, o time de vôlei feminino da Unilever teve a oportunidade de participar de mais um gesto solidário. Em parceria com a Secretaria de Esporte e Lazer, as jogadoras entraram em quadra de mãos dadas com 12 crianças autistas. Na hora do Hino Nacional, o time exibiu uma faixa com os dizeres 2 de Abril – Dia Mundial da Conscientização do Autismo”.

O objetivo da data é alertar as famílias para procurarem desde cedo um especialista que possa diagnosticar o quanto antes o problema. Assim, os pais podem agir de forma mais efetiva no tratamento dos filhos. No Brasil, segundo especialistas, existem 2 milhões de autistas.
 
 
 
 
Além da Unilever, via Secretaria, outras parcerias estão sendo formadas para alertar sobre a doença.  No dia 2, o Cristo Redentor e outros monumentos no mundo vão fazer referência à data. O Cristo, por exemplo, será palco de solenidades e ganhará uma iluminação especial, em tom de azul, a cor do autismo. 
Cada gesto conta...
Time Unilever 

AUTISMO E ESPORTE!! NO DIA "A"

 Secretaria de Esporte e Lazer entra na Campanha  pelo Dia Mundial
do Autismo

Notícia: A Secretaria de Esporte e Lazer promove mais uma ação pela
cidadania através do esporte. Em comemoração ao Dia Mundial da
Conscientização do Autismo, celebrado dia 2 de abril, uma faixa com os
dizeres “2 de Abril – Dia Mundial da Conscientização do Autismo” será
carregada pelas jogadoras da Unilever, time de vôlei do técnico
Bernardinho, no jogo desta terça feira, 29 de março, contra o BMG/São
Bernardo.12 crianças autistas também entrarão em quadra de mãos dadas com
as jogadoras. O jogo começa às 19h.


Jogadores dos times do Botafogo e do Flamengo entrarão em campo com a
faixa nos dois jogos dessa semana no Engenhão. Válido para a Copa do
Brasil, os jogadores do  time do Botafogo entram com a faixa no jogo do
dia 30 de março contra o Paraná às 19h30 e os jogadores do Flamengo, que
joga a 6ª rodada válida do Campeonato Carioca,no dia 2 de abril, às 18h30
contra o Duque de Caxias.


Outras ações pelo Brasil também vão comemorar a data. No dia 02 de abril
de  um evento no Cristo Redentor contará com uma missa ecumênica e música
sacra, com um Tenor autista e deficiente visual. Na mesma data, o Cristo
ganhará uma iluminação especial em tom azul, a cor do autismo. Uma
caminhada na Praia, com saída do posto 12, no Leblon, nos dias 3 e 4, terá
a distribuição de panfletos explicando um pouco mais sobre o autismo. O
Congresso Nacional estará “vestindo” azul no Dia Mundial do Autismo.



O objetivo da instituição da data é alertar as famílias a procurarem desde
cedo um especialista que possa diagnosticar o quanto antes o problema, e
dessa maneira, os pais contribuírem para que a criança tenha um tratamento
adequado de acordo com o grau da doença, para que possam ter mais
visibilidade na sociedade, no meio político e junto a profissionais de
diversas áreas. Somente com o conhecimento e cooperação que os autistas
terão seus direitos individuais e sociais de fato atendidos.





Blog do Max e Mathe: Entrevista RecordNews_Sobre Autismo_Bruno Caramell...

Blog do Max e Mathe: Entrevista RecordNews_Sobre Autismo_Bruno Caramell...

REDE GLOBO AGENTE SE VÊ POR AQUI

GLOBO APOIA O MOVIMENTO EM PRO DO AUTISMO!!!
                                         
“Cerca de 2 milhões de brasileiros são portadores de autismo, muitos ainda sem diagnóstico”. Neste sábado, dia 2 de abril, será celebrado o Dia Mundial de Conscientização do Autismo e a Rede Globo, em apoio, fez um filme de 15’, que vai ao ar a partir de hoje, dia 31. O filme convoca todos que quiserem a vestir a cor azul, símbolo desse movimento.

(Ao lado, confira o vídeo da campanha)
No comercial, imagens de crianças portadoras de autismo são “coloridas” de azul. Criado pela Central Globo de Comunicação, o vídeo vai ao ar nos intervalos comerciais da emissora com a assinatura: “Cidadania. A gente vê por aqui”.

PROGRAMA MAIS VOCÊ!!!!!!!!!!!!! AUTISMO!!!!!!!!!!!!!!!

Mais Você fala sobre autismo, uma doença genética e silenciosa

Mais Você

O Mais Você desta quinta, 31 de março, começou dando um alerta sobre uma doença silenciosa, genética e que atinge mais de dois milhões de brasileiros: o autismo. Para entender um pouco desse transtorno do desenvolvimento das crianças, o programa contou a história do Arthur Decnop, um menino carioca de seis anos que começou a apresentar os sintomas de autismo aos dois anos e meio. “Ele era uma criança normal. Aos dois anos de idade, ele não interagia nada. Se eu tentasse brincar com ele, ele se virava de costas”, contou a mãe Keyla Decnop.

Há mais de 70 anos, cientistas de todo mundo se dedicam a estudar aquela que é uma das mais enigmáticas desordens neurológicas: o autismo. Embora muitos avanços tenham sido feitos na área clínica, os mecanismos moleculares, genéticos e neurobiológicos desse distúrbio permanecem em grande parte desconhecidos. “Foi muito difícil aceitar o diagnostico, foi a maior dor da minha vida. Quando eu recebi o diagnostico, eu e meu marido ficamos quatro dias sem conseguir engolir nada, só água!, relatou Keyla.

Novos estudos, entretanto, parecem dar esperança para se recomendar tratamentos e medicamentos mais eficazes em um futuro próximo. “Eles gostam de objetos que giram, muitos gostam de ficar observando a maquina de lavar roupa, os ventiladores. Os interesses são muito restritos, ficam hora e horas fazendo a mesma coisa”, explicou o Estevão Valdaz, Coordenador do Programa Transtorno Espectro Autista dos Hopital das Clínicas de São Paulo.

No dia 2 de abril, é o Dia Mundial de Conscientização do Autismo, a data foi criada pela Organização das Nações Unidas, a ONU, e para marcar a data, vários monumentos do mundo inteiro ficarão azuis. Aqui no Brasil, o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, a Ponte Estaiada, Monumento às bandeiras e o viaduto do Chá, em São Paulo, estarão azuis. É para simbolizar a luta pelo bem estar dos autistas.

Sobre o Autismo

De maneira geral, as desordens de espectro autista, que englobam uma grande variedade de comportamentos e problemas sob o ponto de vista clínico, podem ser divididas em dois 'tipos' de autismo. Obviamente, essa divisão é artificial e abarca em si outras muitas pequenas variações.

1) Síndrome de Asperger. Descrita pela primeira vez pelo pediatra austríaco Hans Asperger (1906-1980), é considerada uma forma de autismo mais branda. Seus portadores apresentam os três sintomas básicos (dificuldade de interação social, de comunicação e comportamentos repetitivos), mas suas capacidades cognitivas e de linguagem são relativamente preservadas. Na verdade, alguns até mesmo apresentam níveis de QI acima da média, motivo pelo qual a criança portadora da síndrome de Asperger é comumente representada como um pequeno gênio que descobre códigos e resolve enigmas. Entretanto, a síndrome de Asperger engloba aproximadamente 20-30% dos portadores de desordens do espectro autista.

2) Autismo 'clássico'. É o tipo descrito pelo médico austríaco erradicado nos Estados Unidos Leo Kanner (1894-1981). Kanner foi o primeiro a utilizar a nomenclatura "autismo infantil precoce", em um relatório de 1943, no qual [ele] descrevia 11 crianças com comportamentos muito semelhantes.

Durante muito tempo, o autismo era considerado como doença psiquiátrica e os portadores internados em manicômios. É importante que o diagnóstico seja feito nos primeiros anos de vida. Com tratamento adequado, a criança pode ter progressos na área da linguagem, da comunicação e da socialização e muitos conseguem ser independentes na idade adulta. O Hospital das Clinicas, em São Paulo, está abrindo um programa de diagnóstico e intervenção precoce do autismo. O objetivo é que até o ano que vem o hospital ofereça exames para diagnosticar o autismo em crianças com menos de três anos.
Mais Você

AUTISMO - CONSCIENTIZAÇÃO - VIDEO DA TURMA DA MÔNICA

segunda-feira, 28 de março de 2011

Mary e Max uma amizade diferente

DIA INTERNACIONAL DA CONCIENTIZAÇÃO DO AUTISMO!!!!

O CENTRO CULTURAL LAGOA DO NADO EM BELO HORIZONTE, EM COLABORAÇÃO COM A CAUSA DOS AUTISTAS E SEUS FAMILIARES IRÁ EXIBIR NO DIA 3 DE ABRIL AS 15 HORAS O FILME MARY E MAX UMA AMIZADE DIFERENTE, UMA OPORTUNIDADE PARA VOCÊ CONHECER ESTE MARAVILHOSO PARQUE SE DIVERTIR, A AINDA APRENDER UM POUCO SOBRE A SINDROME DE ASPERGER(AUTISMO) VENHA E TRAGA SUA FAMILIA!!!


VOCÊ NAO PODE PERDER!!!!!

GEA- UERJ - Grupo de Estudos em Autismo

Convidamos você para participar do
 
GEA- UERJ - Grupo de Estudos em Autismo
 

Público alvo: Familiares, interessados no tema e acadêmicos.
Objetivo: informar, acolher famílias e encaminhar.
Dias: 07, 14 e 28/04/2011.
Local: UERJ
Evento Gratuito, mas confirme sua presença, pois há limite de vagas.

Realização: CEPP - Centro de Estudos em Psicomotricidade e Universo Psicomotor
 
 
Serão distribuídos 10 mil folder´s informativos da campanha Mundial do Autismo na
UERJ durante esta semana do dia 01 de abril/2011.
 
 
Divulgue e participe!!
 

Autismo em Belo Horizonte: Aumentando a conscientização!

Autismo em Belo Horizonte: Aumentando a conscientização!

sexta-feira, 25 de março de 2011

Por um mundo melhor!!!: DIA MUNDIAL DE CONSCIENTIZAÇÃO DO AUTISMO

Por um mundo melhor!!!: DIA MUNDIAL DE CONSCIENTIZAÇÃO DO AUTISMO

CAPACITAÇÃO!!!!!!!!!!!!!!!!1

Centro de Estudos Avançados de Psicologia (Ciclo CEAP)
Autismo
O curso tem como objetivo capacitar profissionais das áreas da Psicologia, Saúde e Educação e a compreender a definição de autismo com um espectro de distúrbios do desenvolvimento; identificar sinais de autismo na infância; utilizar instrumentos de auxílio para o diagnóstico e a avaliação de comportamentos infantis indicativos de autismo; conhecer recursos terapêuticos e educacionais específicos para a intervenção com pessoas com autismo; conhecer diretrizes para a orientação de pais e cuidadores; compreender aspectos fundamentais da intervenção na infância e idade adulta.
Público Alvo: Psicólogos, Assistentes Sociais, profissionais de saúde e educação e demais interessados.

Informações do Curso:
- Duração:  4 Meses.
- Carga Horária:  240 horas/aula.
- Professora Autora:  Camila Graciella Santos Gomes – CRP/04 23254.

Próxima turma: Início em 05 de abril de 2011.
Informações sobre o curso acesse: http://autismo.cicloead.com.br/
Saiba mais sobre os nossos cursos a distância:

O curso é feito totalmente pela internet, sem horário marcado, em ambiente virtual de fácil manejo. O curso é dividido por capítulos junto com atividades para melhor trabalhar o tema proposto. Estas atividades não têm como interesse avaliar o aluno de forma quantitativa, mas sim fornecer recursos para a qualidade da informação. O aluno recebe apoio integral da ministrante sobre o conteúdo do curso, da tutora para orientações sobre o ambiente virtual e acompanhamento das atividades, e da equipe técnica do Ciclo CEAP para ajuda nas eventuais dificuldades técnicas.

quinta-feira, 24 de março de 2011

APAPE _ CURSO PARA CAPACITAÇÃO DE CUIDADORES

Evento sobre Autismo!!!!!!

A missa em Ação de Graças pelo dia do Autismo,
Será no dia 02 de Abril às 19:00h, na Igreja São Francisco das Chagas, Carlos Prates.
A palestra sobre AUTISMO, como o Psiquiatra Dr Belizario, 
Dia 06 de Abril às 19:00hs, no SESC Carlos Prates, Rua Teofilo Otoni.

APAPE- Associação de Pais e Amigos de Pessoas Especiais
Rua Cambuquira – 489 – Carlos Prates | 30710-550 | B.H-MG
T | F (31) 3324.3205
www.apapebh.org.br


APAPE - CASA LAR PARA JOVENS COM DEFICIENCIA MENTAL E AUTISMO


Seu apoio faz toda a diferença




Somos uma Entidade assistencial fundada em 2004,  em Belo Horizonte no Estado de Minas Gerais, sem fins lucrativos, com  objetivos de defender os direitos dos portadores de necessidades especiais. Somos o fruto do desejo de lutar pela sobrevivência, desenvolvimento e dignidade da população especial. 


Declarada de Utilidade Pública, pela Lei Estadual número 16.544, de 26/12/06  


Atual Presidente da Associação: Estela Maris Guillen de Souza








Fale com a gente
E-mail - 
   associacaoapape@yahoo.com.br
       
Depósitos podem ser efetuados:
Associação de Pais e Amigos de Pessoas Especiais CNPJ: 07.306.154/0001-55:
Banco Itaú: 341 Agencia 3158 - conta 68053-2
ou através de DOC direto do seu Banco.
Uma associação assistencial,  sem fins lucrativos,  fundada em Belo Horizonte,  em 2004,  com o objetivo de encontrar e propiciar alternativas de melhoria na qualidade de vida de pessoas especiais.

Atualmente nosso principal foco é uma ação movida para pleitear a devida assistência a pessoas especiais,  questão esta de direito,  conforme a Constituição vigente,  direito este não assegurado pelo Estado.

Os custos operacionais e jurídicos têm que ser suportados pelos integrantes,  alguns sem condições mesmo de arcar com a cota mensal mínima,  mas que nem por isto deixam de integrar à Associação.  Portanto, a APAPE,  solicita a quem desejar praticar uma boa ação,  uma contribuição financeira quer seja em cota única,  mensal,  ou por um período estipulado de tempo,  enfim, da forma que melhor se ajustar aos padrões da pessoa física e/ou jurídica.

ACEITAMOS DOAÇÕES EM:
Dinheiro, cestas básicas, roupas, objetos, material de escritório em geral, trabalho voluntário qualificado (Advogados,Psicólogos, Advogados, Assistentes Sociais etc...)


Antecipadamente agradecemos,

Se você é simpático à causa da APAPE,  junte-se a nós. 
Associe-se!  Faça contato! Teremos prazer em tê-lo como aliado.

Compareça às reuniões
Aceite de coração os compromissos,  mesmo sabendo que não é fácil realizar.
Expresse sua opinião formada,  com certeza ela vai ser muito útil.  Precisamos da sua sinceridade.
Contribua com a APAPE,  nos procure e colabore :
Depósitos poderão ser efetuados em nome da Associação de Pais e Amigos de Pessoas Especiais,  no:
Banco Itaú: 341 Agencia 3158 - conta 68053-2 -  
Ajude-nos a ajudar.

quarta-feira, 23 de março de 2011

CENTRO DE ATIVIDADE EM MUSICOTERAPIA - PERNANBUCO

O CAMT - Centro de Atividades de Musicoterapia é um espaço criado para fazer circular o conhecimento da Musicoterapia em Pernambuco. Com uma proposta de atendimento clínico e de divulgação da atividade musicoterápica, oferece atendimento especializado a crianças e adolescentes com dificuldades na comunicação, em particular os transtornos psíquicos severos como o autismo e a psicose infantil, sindromes genéticas, doenças neurológicas, pessoas que necessitem de reabilitação física, idosos com Alzheimer e outras doenças degenerativas, doenças reumatológicas, depressão, atendimento e preparação para cirurgia e acompanhamento pós-cirúrgico, gestantes e acompanhamento junto ao bebê; deficiências sensoriais e motoras e pretende ampliar seus atendimentos a crianças em situação de risco e vulnerabilidade social. Oferece Oficinas de Musicoterapia para adultos que desejem melhorar a qualidade de vida, redução de stress e ansiedade e outras formas de comunicação.
Com o objetivo de despertar para a importância da prática clínica musicoterápica em Pernambuco,  o CAMT desenvolve o projeto MUSICOTERAPIA EM PAUTA, realizando palestras, mini-cursos e atividades interdisciplinares que envolvam a Musicoterapia, com encontros que acontecem trimestralmente, contando com profissionais, estudantes e demais pessoas interessadas.
Em parceria com a Associação de Musicoterapia do Nordeste, busca criar um canal de comunicação com a sociedade, com profissionais e instituições que despertam o interesse pela Musicoterapia e pretendem contar com musicoterapeutas em suas equipes interdisciplinares, realizando em conjunto com a associação, visitas a locais para a divulgação adequada da Musicoterapia. O CAMT conta com uma equipe de 4 profissionais musicoterapeutas para atendimento à população. Atualmente em fase de reestruturação de suas atividades, atende uma média de 50 (cinquenta) pessoas, dentre clientes em atendimento, profissionais em supervisão e alunos em formação, além de outras pessoas interessadas.
 
CENTRO DE ATIVIDADES DE MUSICOTERAPIA - CAMT
Rua Jornalista Paulo Bittencourt, 147/sala 7
Derby - Recife/PE
 
Os contatos são feitos diretamente com as musicoterapeutas:
 
Carla Bezerra
(81) 9987-9987
 
Carmen Vasconcelos
(81) 8112-5698
 
Eliane Teles
(81) 9966-7044
 
Luciana Frias
(81) 9426-2522

domingo, 20 de março de 2011

ESCOLA ABERTA EM BELO HORIZONTE

O PROGRAMA ESCOLA ABERTA DA PBH, ESTÁ SENDO UM SUCESSO.
NA E.M. JOSÉ DOS MARES GUIAS, BAIRRO HELIOPOLIS ZONA NORTE DE BELO HORIZONTE NOSSAS CRIANÇAS E JOVENS PODEM SE DIVERTIR NA CAMA ELASTICA, TOTO, OFICINA DE INFORMATICA, ARTESANATO, E NA CAPOEIRA, VENHA E TRAGA SUA FAMILIA.
TODOS OS SABADOS E DOMINGOS DE 9 AS 14 HORAS.

VOCÊ NÃO PODE PERDER!!!!!!!!!!!!!!!!

sexta-feira, 11 de março de 2011

SUPERAR!! OPORTUNIDADE DE NOSSOS JOVENS PRATICAREM ESPORTE E INCLUSÃO!!!

Programa SUPERAR.


APRESENTAÇÃO:
O Programa Superar elabora, coordena e executa, juntamente com entidades e escolas, políticas públicas referentes às pessoas portadoras de deficiência (PPD), nas áreas de esporte e lazer, no município de Belo Horizonte.
Essas políticas referem-se principalmente à inclusão dos portadores de deficiência em programas e eventos de esporte e lazer.
O Programa Superar visa, também, à reflexão da sociedade como um todo, assim como dos projetos de esporte e lazer públicos ou privados, quanto à existência da pessoa portadora de deficiência e sua relação com estas atividades, garantindo a sua inclusão e respeitando o potencial e os limites dela.


Secretaria Municipal de Esportes.
Av. Álvares Cabral 200 - 5º. Andar.
CEP: 30170-000.
Tel.: (31) 32 77-42 15.
e-mail: smes@pbh.gov.br
FONTE: www.pbh.gov.brSite externo.

CRE-PPD - Centro de Referência Esportiva para Pessoa Portadora de Deficiência:
Av. Nossa Senhora de Fátima 2.283 – Bairro Carlos Prates.
Tel.: (31) 32 77-45 46.
(atualizado em 01/03/2011)
Fonte: http://fr.pbh.gov.br Site externo.
BH Legal - www.bhlegal.net

terça-feira, 8 de março de 2011

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre - Só pra lembrar!!! Abril 2010

No Dia do Autismo, 2 de abril, ONU pediu conscientização e inclusão


Símbolo do Dia Mundial da Conscientização do Autismo



O Brasil não tem estatística sobre o autismo, mas nos Estados Unidos e Europa já se fala sobre a maior epidemia do mundo, saltando de um caso a cada 2.500 pessoas na década de 1990, para o número assustador atual de uma pessoa com autismo a cada 120. Estimou-se em 2007 que no Brasil, país com uma população de cerca de 190 milhões de pessoas naquele ano, havia cerca de 1 milhão de casos de autismo, segundo o Projeto Autismo, do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas, da Universidade de São Paulo. No mundo, há mais de 35 milhões de pessoas com autismo, afetando a maneira como esses indivíduos se comunicam e interagem.
A fim de alertar o planeta para essa tão séria questão, a ONU (Organização das Nações Unidas) criou em 2008 o Dia Mundial da Conscientização do Autismo (World Autism Awareness Day), no dia 2 de abril de cada ano. Para 2010, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, destacou a importância da inclusão social. “Lembremo-nos que cada um de nós pode assumir essa responsabilidade. Vamos nos unir às pessoas com autismo e suas família para uma maior sensibilização e compreensão”, disse ele na mensagem deste ano, mencionando ainda a complexidade do autismo, que precisa de muita pesquisa. Vários monumentos e grandes construções ao redor do mundo se propuseram a iluminar-se de azul como manifestação em favor dessa conscientização no dia 2, como o prédio Empire State, em Nova York, nos Estados Unidos.

Realidade brasileira

No Brasil, é preciso alertar, sobretudo, as autoridades e governantes para a criação de políticas de saúde pública para o tratamento e diagnóstico do autismo, além de apoiar e subsidiar pesquisas na área. Somente o diagnóstico precoce, e consequentemente iniciar uma intervenção precoce, pode oferecer mais qualidade de vida às pessoas com autismo, para a seguir iniciarmos estatísticas na área para termos idéia da dimensão dessa realidade no Brasil. E mudá-la.
O autismo faz parte de um grupo de desordens do cérebro chamado de Transtorno Invasivo do Desenvolvimento (TID) – também conhecido como Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD). Para muitos, o autismo remete à imagem dos casos mais graves, mas há vários níveis dentro do espectro autista. Nos limites dessa variação, há desde casos com sérios comprometimentos do cérebro a raros casos com diversas habilidades mentais, com a Síndrome de Asperger (um tipo leve de autismo) – atribuído inclusive a aos gênios Leonardo Da Vinci, Michelangelo, Mozart e Einstein.
A medicina e a ciência de um modo geral sabem muito pouco sobre o autismo, descrito pela primeira vez em 1943 e somente 1993 incluído na Classificação Internacional de Doenças (CID 10) da Organização Mundial da Saúde como um transtorno invasivo do desenvolvimento. Muitas pesquisas ao redor do mundo tentam descobrir causas, intervenções mais eficazes e a tão esperada cura. Atualmente diversos tratamentos podem tornar a qualidade de vida da pessoa com autismo sensivelmente melhor.
Para este ano haverá, entre outros eventos promovidos pela ONU, o lançamento do documentário "A Mother’s Courage: Talking Back to Autism” (Coragem de mãe: falando sobre o autismo, em tradução livre), narrado pela premiada atriz Kate Winslet (de Titanic). O filme fala sobre uma mãe islandesa que viaja para os Estados Unidos em busca de novas terapias para o filho que é autista. Além do dia 2, o mês de abril é considerado o mês da conscientização do autismo no mundo.

quinta-feira, 3 de março de 2011

Dia Mundial da Conscientização pelo Autismo

a bela letra da música, Fantine Thó, "Até o Fim":

Cuidar de você
Sem saber a causa dessa dor profunda
Cuidar de você
Sem conhecer a medicina que te cura
Fechando os olhos
Posso ver a cor de sua sinfonia
O ardente toque do amor
Abandonado em pleno dia
Quero saber o que é preciso dizer
Mesmo sabendo que o tempo é mestre
No toque, no olhar você vai entender
Que respirar é a nossa prece
Os mares podem secar
O som deixar de existir
A mais linda cor apagar
Com você eu vou até o fim
O que quiser passar
Por menos que eu esteja aqui
Mais perto que o ar vai estar
Com você o melhor de mim
Com teus olhos
Veja meu pensamento
Refletindo a obra do seu ser
Sem palavras 
vozes sábias dizem o que é o viver
Os mares podem secar
O som deixar de existir
A mais linda cor apagar
Com você eu vou até o fim
O que quiser passar
Por menos que eu esteja aqui
Mais perto que o ar vai estar
Com você o melhor de mim
Se eu pudesse meus passos te dar
O que andei, o que senti, o que já vi
Entregaria meus dias pra'um só
Pra te ver sorrir
Os mares podem secar
O som deixar de existir
A mais linda cor apagar
Com você eu vou até o fim
O que quiser passar
Por menos que eu esteja aqui
Mais perto que o ar vai estar
Com você o melhor de mim